• Today

    QUANDO O FLAMENCO VISITA O FADO

    Olga Sharapa é uma conceituada bailarina de flamenco, oriunda da Ucrânia. Também o sucede o mesmo com o Fado. Alguém, fora do berço da arte musical, apaixona-se por essa arte. No Flamenco, a força da paixão de Olga Sharapa tornou-a uma grande artista. Não será por acaso que Olga Sharapa visita regularmente o Café Luso. […]

    Olga Sharapa é uma conceituada bailarina de flamenco, oriunda da Ucrânia. Também o sucede o mesmo com o Fado. Alguém, fora do berço da arte musical, apaixona-se por essa arte.

    No Flamenco, a força da paixão de Olga Sharapa tornou-a uma grande artista.

    Não será por acaso que Olga Sharapa visita regularmente o Café Luso.

     

     

  • 13 Fevereiro 2018

    O FADO NO CARNAVAL DE TORRES VEDRAS

    Segundo o “nosso repórter” Pedro Pinhal (viola fado), de entre as figuras no famoso Carnaval de Torres Vedras, anda por lá a Sra. D. “Amáliafona”. E porquê “Amáliafona”? Porque um dos pontos altos (gigantes?) desta folia anual é o desfile de “marafonas” de todo o tipo. Todas e quaisquer figuras da sociedade, vivas ou não, […]

    Segundo o “nosso repórter” Pedro Pinhal (viola fado), de entre as figuras no famoso Carnaval de Torres Vedras, anda por lá a Sra. D. “Amáliafona”.

    E porquê “Amáliafona”?

    Porque um dos pontos altos (gigantes?) desta folia anual é o desfile de “marafonas” de todo o tipo.

    Todas e quaisquer figuras da sociedade, vivas ou não, servem para a paródia.

  • 9 Fevereiro 2018

    AMOR, NAMORO, NOIVADO, CASAMENTO, AS PROMESSAS NO SÃO VALENTIM

    Inspirado numa história de amor provável na Roma antiga, no tempo do imperador Cláudio II, é nesta data (do calendário romano) que se glorificam as uniões amorosas. As casas de fados também têm uma aura propícia ao clima romântico, por isso preparámos um menu especial e algumas surpresas. Aqui fica a nossa promessa: VAMOS PÔR […]

    Inspirado numa história de amor provável na Roma antiga, no tempo do imperador Cláudio II, é nesta data (do calendário romano) que se glorificam as uniões amorosas.

    As casas de fados também têm uma aura propícia ao clima romântico, por isso preparámos um menu especial e algumas surpresas. Aqui fica a nossa promessa:

    VAMOS PÔR O CORAÇÃO NA BOCA

    Contacte-nos para consulta do menu e reservas.

  • 9 Fevereiro 2018

    VIRGÍLIO NOGUEIRO GOMES, O GASTRÓNOMO QUE GOSTA DE FADO

    Na tripla celebração ocorrida a 27 de Novembro de 2017 (90 Anos Café Luso, 6.º Aniversário do reconhecimento do Fado pela UNESCO, nova Carta de restaurante) o conceituado gastrónomo Virgílio Nogueiro Gomes foi uma das presenças que conjuga os dois gostos, aquilo que conjuga a oferta de uma casa de fados: Fado e Gastronomia. “Já […]

    Na tripla celebração ocorrida a 27 de Novembro de 2017 (90 Anos Café Luso, 6.º Aniversário do reconhecimento do Fado pela UNESCO, nova Carta de restaurante) o conceituado gastrónomo Virgílio Nogueiro Gomes foi uma das presenças que conjuga os dois gostos, aquilo que conjuga a oferta de uma casa de fados: Fado e Gastronomia.

    “Já várias vezes escrevi sobre o meu gosto pelo fado, e pela forma como ele é, por vezes, apresentado.”

    Aqui, para ler

  • 9 Fevereiro 2018

    OS ECOS DOS 90 ANOS DO CAFÉ LUSO EM ABRANTES

    Sendo a Canção de Lisboa, a verdade que é tornou-se Canção Nacional e depois, desde 2011, Património Imaterial da Humanidade. Actualmente, os filhos das regiões de Portugal dão do seu talento ao Fado. Muitos acabam por se estabelecer em Lisboa. Assim se percebe que os 90 Anos do Café Luso tenham merecido destaque nos Media […]

    Sendo a Canção de Lisboa, a verdade que é tornou-se Canção Nacional e depois, desde 2011, Património Imaterial da Humanidade.

    Actualmente, os filhos das regiões de Portugal dão do seu talento ao Fado. Muitos acabam por se estabelecer em Lisboa.

    Assim se percebe que os 90 Anos do Café Luso tenham merecido destaque nos Media regionais.

    A Antena Livre, em Abrantes, é sinal disso mesmo.

     

    Pode ler aqui